Dirigido por Fabrício Bittar, filme chega aos cinemas no dia 12 de outubro

Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola”, longa-metragem inspirado no livro homônimo de Danilo Gentili, com estreia agendada para 12 de outubro, alcançou a marca de 10 milhões de ‘views’ na página pessoal do artista no Facebook. Somado à essa audiência, há ainda a marca de 258 mil ‘views’ no canal da Paris Filmes no Youtube,  desde o seu lançamento oficial, realizado em 1º de agosto.
Sucesso absoluto na Internet, o trailer oficial mostra cenas ousadas da produção, mesclando o áudio de uma mulher gemendo, com troca de insultos e armadilhas que extrapolam o ambiente escolar, que serve como ambientação principal para toda narrativa.

Estrelado por Carlos VillagránBruno MunhozDaniel Pimentel e Danilo Gentili, o filme marca a estreia de Fabrício Bittar na direção. 

– A receptividade do público nas redes sociais surpreendeu positivamente. O filme traz uma mensagem subversiva e divertida e acho que a galera está sacando isso, afirma Danilo Gentili.

Para Gabriel Gurman, diretor de Marketing da Paris Filmes, a boa receptividade amplia a força do lançamento. “Usamos as redes sociais como termômetro e observamos que já há uma grande expectativa pela estreia.  O filme será lançado com fôlego total e intensificaremos a campanha de Marketing nos próximos dias”, afirma.

O longa narra a trajetória dos estudantes Bernardo (Bruno Munhoz) e Pedro (Daniel Pimentel), que se veem divididos entre as obrigações escolares, a necessidade de tirar boas notas e ter bom comportamento, e a falta de propósito em cumprir todas as normas de uma escola que adota medidas cada vez mais politicamente corretas graças ao diretor Ademar (Carlos Villagrán).

Nomes como Moacyr Franco, Joana Fomm, Raul Gazolla, Rogério Skylab e Fábio Porchat também integram o elencoO filme éproduzido pela Clube Filmes, com co-produção da Warner Bros. Pictures e distribuição Paris Filmes e Downtown Filmes.

Sobre a Warner Bros. Pictures
A Warner Bros. Entertainment Inc. é um dos líderes mundiais em criação, produção, distribuição, licenciamento e marketing de todas as formas de entretenimento e negócios correlatos. Os estúdios Warner Bros., hoje Warner Bros. Pictures, representando uma das divisões do Grupo, surgiram quando quatro irmãos – Albert, Sam, Harry e Jack L. Warner – fundaram sua companhia de cinema, em 4 de abril de 1923. O lançamento do primeiro longa-metragem falado da história do cinema – “O Cantor de Jazz” –, em 1927, estabeleceu um padrão de qualidade, inovação e referência que se tornaria sinônimo do nome Warner Bros. De sua fundação atéhoje, a Warner Bros. Pictures acumula um legado sem paralelo na produção de entretenimento. No Brasil, a Warner Bros. Pictures iniciou suas atividades em março de 1929 e, desde então, trouxe para o país grandes clássicos do cinema como Casablanca”, MeuÓdio Será sua Herança”, Um Bonde Chamado Desejo” e Superman”, bem como as franquias de sucesso Matrix”, O Senhor dos Anéis”, Harry Potter”, Batman”, “Se Beber, Não Case!” e Hobbit”, além do recente lançamento Batman vs Superman: A Origem da Justiça”.            

Sobre a Paris Filmes 

A Paris Filmes é uma empresa brasileira que atua no mercado de distribuição e produção de filmes, primando pela alta qualidade cinematográfica. Além de ter distribuído grandes sucessos mundiais, como o premiado “O Lado Bom da Vida”, que rendeu o Globo de Ouro® e o Oscar® de Melhor Atriz a Jennifer Lawrence em 2013 e “Meia-Noite em Paris”, que fez no Brasil a maior bilheteria de um filme de Woody Allen, a distribuidora tem também em sua carteira os maiores sucessos do cinema nacional, como as franquias “De Pernas Pro Ar” e “Até Que a Sorte nos Separe”. Nos últimos anos, a Paris lançou o vencedor do Grande Prêmio do Júri em Cannes 2013, “Inside Llewyn Davis – Balada de um Homem Comum”, dos irmãos Coen; o aclamado “O Lobo de Wall Street”, de Martin Scorsese, “Mapas Para as Estrelas”, de David Cronenberg (Melhor Atriz no Festival de Cannes – Julianne Moore); a primeira adaptação animada da obra-prima de Antoine de Saint-Exupéry, “O Pequeno Príncipe”; e as continuações A Série Divergente: “Insurgente” e o esperado final de Jogos Vorazes em “A Esperança – O Final”. Em 2016, os indicados ao Oscar® “Brooklin” e “O Lobo do Deserto”; o terceiro capítulo da série Divergente, “Convergente”, “Truque de Mestre – O 2º Ato” e sucessos do cinema argentino como “Kóblic”, com Ricardo Darín, foram os grandes destaques; assim como a biografia do lutador José Aldo em “Mais Forte Que o Mundo”. Produzidos pela Paris Entretenimento, há ainda “Um Namorado Para Minha Mulher” e “Carrossel 2 – O Sumiço de Maria Joaquina”. Em 2017, a empresa está à frente de lançamentos como “La La Land – Cantando Estações”, grande vencedor da 74ª edição do Globo de Ouro, com 7 estatuetas incluindo Melhor Filme de Comédia ou Musical, “Power Rangers”, “Internet – O Filme”, “A Cabana”, “Meus 15 Anos”, entre outros.

Share.

About Author

Arte em fragmentos sendo registrado pelo jornalismo independente. Reunião de ideias bagunçadas de estudantes de jornalismo.

Leave A Reply